Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

Deixar que a vida nos surpreenda

(imagem retirada da net)

 

A vida é mais sorrateira que uma velha sabida e espera cada segundo para nos lembrar que os momentos se movem a seu tempo e não quando os entendemos. Que devemos saborear os segundos. Que devemos apreciar as coisas boas que nos dá, aquelas que surgem para nos surpreender quando menos esperados.

Espontâneas.

Ontem forcei uma pausa em mim.

"Só quero um dia sereno"

Acordámos à hora que nos apeteceu. Tomamos o pequeno almoço e passamos a manhã na praia entre brincadeiras à beira mar e corridas pelo areal.

Gargalhadas e molduras de areia, gravadas numa fotografia para lembrar nos momentos mais tristes.

O telemóvel ficou na mala. Confinado à função de relógio.

"Hoje jantamos?"

"Jantamos"

Sem pressas deixamos o pequeno nos avós - que mais parecia querer ver-se livre de nós, ou à sua maneira ainda tenra nos quis fazer ver que também precisamos destes momentos de descanso.

Fomos deixar as roupas para dar à loja encantada da minha prima (um dia falo disso, a melhor loja para animais a sul do Tejo).

Ouço o meu nome mas lembro-me que não sou a única que o tenho.

Afinal era para mim. O meu irmão que está a trabalhar em Lisboa tinha ido ver o meu pai, acabámos por nos encontrar.

Gostei de o ver.

Gostei muito. Melhorou o meu dia.

A vida a dizer-me "toma lá um presente que hoje percebeste que quem manda nisto sou eu"

Tempos antigos. Tempos felizes. Todos à conversa. A escola. As escolas de cada um. As tropelias e as caras feias dos documentos de identificação.

E eu, enquanto os via falar, a perceber a falta que me fazem estes momentos.

A pedir à vida que me leve para mais perto, para que sejam um regra e não um presente ocasional.

Jantámos. Vimos o "Sully". Voltámos para o nosso sofá. Para ver o diário da Casa dos Segredos (já disse que venho a casa dos segredos, e gosto). Para comer uma mousse de chocolate antes de deitar.

Hoje é um novo dia e eu faço por me lembrar que ainda falta 3 dias.

Bom dia pessoas! Bom dia Vida!

 

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

--------Instagram--------

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D