Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em busca da felicidade

Mudar

 

Mudar é difícil. Pelo menos para mim. Não é algo que me seja natural. Adapto-me com relativa facilidade, às vezes mais do que aquela que esperava. Mas é o momento anterior à mudança que me consome. O pensamento se devo ou não mudar? E se vou para pior? E se não consigo gerir? E se não consigo lidar? E se corre mal? E se alguma coisa acontece? Não me consigo livrar destes bonequinhos pessimistas que assaltam a minha mente. A ansiedade dispara e a taquicardia começa.

Mudar á difícil, mas às vezes percebemos a léguas que é o que temos de fazer. A coragem acanha-se, diz que já está acostumada às mazelas habituais, às caras tortas dos mesmos dias, às mesmas cores e às mesmas paredes. A coragem acanha-se e fico como estava, sempre à espera que a oportunidade apareça como o príncipe encantado dos filmes de fantasia. Me estenda a mão e diga que daqui para a frente vai ser tudo bom. Sem percalços ou dias amargurados.

Mudar é difícil, mas às vezes é necessário, deixar o que conheço para trás e provar mais a mim que aos outros do que sou capaz. Talvez me surpreenda. Mas aos outros as oportunidades vão aparecendo de mão beijada, alguém os quis, alguém os buscou, e a mim ninguém me buscou para nada. Será isso um sinal de que devo ficar pelo que conheço?

E se ser feliz, está atrás dessa pedra, daquela que temos medo de levantar. Vale ou não a pena arriscar?

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

------Blogs de Portugal------

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D