Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em busca da felicidade

A serenidade de uma aula de Yoga

 

yoga.jpg

Já tinha saudades de fazer uma aula de Yoga. A tranquilidade que sinto no final. Depois de todas as asanas, depois das respirações profundas. As musicas zen. O esquecer das chatices do dia a dia e ficar ali, assim, serena.

No ginásio têm aulas de Yoga mas nunca tinha ido. São às 19 e 30 e isso é demasiado tarde para a minha cabeça, significa que ficamos até depois das 20 e que só chegamos para apanhar o pequeno perto das 22.

Mas tenho andado mais agitada. Mais responsabilidades, mais pressão, mais obrigações, mais ansiedade, menos bem estar. O aperto no peito de quem passa o dia a respirar de forma forçada, de quem passa o dia com os ombros contraídos sem se dar conta.

Pensei que talvez não fosse má ideia ir uma vez. Experimentar. Até podia nem gostar, com aquelas aulas todas de ginástica a bombar logo ao lado.

O Nuno estava na duvida. E assim se manteve até depois de a aula começar.

Para mim foi um bocado estranho. Estava habituada a aulas na praia, em jardim ou a meia luz, com professoras que arrastavam os "s" até serem só um assobio. Aulas a acabar com as ondas do mar ou o som dos passarinhos a cantar.

Hoje foi numa sala onde tinha acabado uma aula de TRX antes de começarmos o momento zen.

O professor é um porreiro, muito dinâmico e as musicas estavam óptimas. O que foi bom para contrapor o som da musica de pum-pum-pum das outras aulas.

Quando acabou nem sabia ainda responder se tinha gostado ou não. Estava meio out.

O Nuno gostou. Não é bem a praia dele mas diz que veio mesmo a calhar com o dia agitado.

Eu, que tenho andado a mim, quando cheguei ao balneário estava tão tranquila que quase achei que me estava a dar uma qualquer sensação de desmaio.

Mas não, estava mesmo, mesmo, só muito zen.

Soube-me lindamente. E tenho cá para mim que vou lá aparecer mais vezes. De certeza que não vai ser todas as semanas, mas de quando em vez. De quando em vez vai ter de ser.

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

------Blogs de Portugal------

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D