Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

Conversas de balneário a que só eu assisto - III

 

- Aí isto desde que veio para aqui o Crossfit é um desassossego.

- Q’é isso?

- Não sabe?! É aquilo em que eles andam com aqueles pesos grandes de um lado para o outro e depois, como não podem com eles, mandam-nos ao chão e dá neste estardalhaço.

- Modas. É o que lhe digo.

- Já falei com o S. e já lhe disse que quero que acabem com isto.

- Acho bem. Mas isto tem muita gente?

- Teeeem. Sabe uma miudinha loira que para aí anda?! Anda ela e a mãe. Que não deve ter juízo nenhum a pôr a miúda naquilo. Qualquer dia tá cheia de problemas. Sem cartilagens nem nada.

 

Esta foi a conversa de hoje. Não pelas duas de estimação, mas por duas novas e mais novas. O que só agrava as coisas, porque certos comentários de malta que já tem mais calos que neurónios eu ainda aceito.

Eu não ando no Crossfit. Mas não ando porque no ginásio que frequento me obrigam a pagar uma mensalidade à parte para usufruir da box. Diz que é uma modalidade extra e coisa e tal. De outra forma podem ter a certeza que andava para ali a bailar kattlebells no ar ou pendurada a trepar uma corda como quem tá na recruta pra tropa. Mas diz que a ginástica da carteira é incontornável, fiz o nove’s fora do ordenado e cheguei à conclusão que as maquinetas e as aulas do costume estavam bem boas.

De qualquer maneira gosto da coisa. Comprei o livro do Salgueiro e tudo.

Não é nenhum bicho de sete cabeças, não transforma as pessoas em monstros, nem papa cartilagens. Muito pelo contrário, é dos treinos mais completos que podemos encontrar. E só puxa ferro quem quer, que o treino de Crossfit pode adaptar-se à realidade de cada um.

Por isso, esta senhora talvez devesse perder mais tempo a saber do que fala do que a falar de cor. Mas isso dava trabalho.

De qualquer maneira essa não é a questão.

A questão aqui é que esta pessoa se achou no direito de, sem conhecer as pessoas de lado algum, avaliar a vida das mesmas. No presente, passado e futuro. Aquela moça, pelas palavras desta iluminada, daqui a vinte anos é capaz de se casar com um estupido que a trai. E só faz isso porque a mulher ter andado no Crossfit em miúda faz com que o estupor ganhe tesão por outras que passam.

Perder cartilagens. Isto vindo de alguém que terá certamente a tola cheia de artroses, porque nem sequer é capaz de juntar 2 palavras para formar a expressão “dá-me licença”. É que se o tem feito escusava de eu me ter encolhido dentro do meu cacifo para evitar que roçasse o seu rabo cheio de celulite na minha nalga gelatinoso-quase-rija.

Por isso minha gente preocupai-vos com a vossa vida. Com o que vos faz sentir bem e felizes e deixai a vida dos outros nas mãos deles.

Preocupai-vos em fazer agachamentos para tirar a casca de laranja da bunda em vez de estar a olhar para os outros a levantar pesos.

E já agora.

Com licença e Faxavore! Que fica tão bem.

6 comentários

Comentar post

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

------Blogs de Portugal------

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D