Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em busca da felicidade

Então e esse dia de aniversário?

Como diria a tia Clotilde lá às amigas do lar. Passou-se.

Um dia de trabalho como os outros, com saída mais cedo para ir buscar o sôtor Agostinho (meu pai) para jantar. Afinal de contas ele também faz anos.

Quando chegamos a um determinado nível de maturidade (ou idade) percebemos que as prendas mais importantes são as pessoas que se lembram de nós nestes dias. Afinal de contas a vida é tão caótica que ainda terem cabeça para saber que há mais de 30 anos, em dias tal, uma pessoa nasceu, já é alguma coisa.

Ou isso, ou é o raciocínio mais positivo possível quando uma pessoa não é inundada de prendas. Massagens, SPA, malas, sapatos e fins de semana de luxo. Que, em bom rigor, também são coisas que se apreciam com a maturidade.

Assim no final do dia lá fomos buscar o Agostinho para ir comer uma bucha, que é como quem diz, jantar.

Do jantar ficam as tiradas do avô em parceria com o neto. Se um sozinho dá mais pérolas que uma ostra, imaginem-se os dois juntos.

 

Pérola 1

Chegamos de carro e não o vemos em parte nenhuma. Aparece passados 5 minutos, tinha ido à loja da minha prima que fica do outro lado da rua.

- Fui ali para dar um beijinho à tua prima mas estava lá outra moça a esfolar um cãozito.

(a minha prima tem uma loja de animais, onde dão banho e tosquias. a tosquiadora estava a tosquiar um caniche...só para esclarecer)

 

Pérola 2

Chegamos ao Fórum Almada (sim, foi o melhor que se arranjou à pressa e a uma segunda feira) e enquanto eu e o Nuno decidimos onde vamos comprar a sopa do pequeno.

- Ricardinho, vamos comer bife com batatas fritas?

Abrimos-lhe muito os olhos e dizemos entre dentes olha que ele assim não como e a sopa.

 

Pérola 3

Estávamos a tentar convencer o pequeno a comer um pedaço de bife. Já se tinha borrifado na sopa e estava farto de comer batatas fritas.

- Experimenta com molho filho, molha lá as batatas! Muita bom.

 

Pérola 4

Conversas sobre carros:

- Este carro que está aqui é um Opel.

- Volvo.

- Não é nada um Volvo. É um Opel, filho!

- Vooooolllllvvvvoooo!

- Não me lixes, então eu não 'tou a ver que é um Opel!

 

De fazer notar que 67 são os anos que os separam. O pequeno adora-o, especialmente porque eu acho que ele pensa, este tipo que é quase da minha idade é um fixe!

 

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D