Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em busca da felicidade

Este cão precisa de um depressivo

20160327_152648.jpg

Leram bem, o cão precisa de um depressivo e não de um antidepressivo. Este é, apesar da sua aparência não tão glamorosa quanto seria de esperar, o cão mais alegre que conheço, arriscaria dizer que é o cão mais alegre do mundo. Vive num permanente estado de felicidade que às vezes penso que talvez seja um daqueles raros casos em que se lhe déssemos um depressivo o iríamos ajudar a acalmar a tola e a ficar mais tranquilo. Este tipo, de nome Boris – o que seria indicador de ser um animal perigoso, tipo máfia russa – vive num contentamento seja quando recebe festas, uma sapatada, um elogio ou um ralhete, está sempre de bem com os outros e com a vida. Não dá para não estar contente ao pé deste esgrouviado. Mas às vezes irrita um bocado esta alegria toda, uma pessoa a ter um dia de bosta e o tipo salta e salta e pula e pendura-se. A pessoa a empurra-lo e ele que não, que gosta de nós e nós temos de gostar dele. O campeão adora cães – sempre se parece comigo em qualquer coisa – e o Boris é o único a quem ele estende a mão em sinal de stop, como quem tenta dizer “é pá, para lá de gostar de mim um bocado!”.

Não se percebe. O tipo não come comida biológica, não tem uma cama de marca, nunca visitou um tosquiador para andar mais “amanhado”, não vive numa herdade com espaço para correr como um estouvado, mas é contente.

Não se entende.

Vai-se a ver e o tipo é que sabe.

Nota: Esta é a melhor foto que temos, uma mais nitida só anestesiado.

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

--------Instagram--------

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D