Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

O meu momento Alta Definição #2

Gosto de gelados. Não gosto de batatas cozidas. Gosto de bolos. Não gosto de chucrute. Gosto de me levantar devagar e de fazer as coisas com calma. Detesto ter de andar a toque de caixa de manhã (mas é a realidade dos meus dias). Gosto de ter tempo para fazer as coisas devagar, seja o que for, comer, passear, ver televisão (mas como é que se vê televisão devagar? vegetando a olhar para ela sem estar sempre a olhar para o relógio). Não gosto de engordar facilmente. Gosto de fazer exercício e detesto quando percebo que não consigo fazer porque o dia está demasiadamente ocupado.

Gosto de andar de sapatos rasos. Ténis, botas, sandálias. Mas gostava de saber andar de saltos altos. Fazem sempre a mulher mais elegante e sexy (quer dizer, se souber andar neles, de outra forma parece - como diria o Rui Unas - que está sempre a caminhar numa falésia). Gosto de falar. Gosto de conversar. Gosto de conhecer pessoas com quem crio empatia. Não gosto de conversa de circunstância. Detesto conversa de elevador, daquela para saber como vai estar o tempo quando a caixinha abrir, plim. Gosto de ir à praia e gosto de caminhar no jardim. Mas não gosto da mosquitagem. Especialmente quando voam em minha direção.

Gosto de comprar roupa. Mas não gosto que a que me agrada nos cabides me fique mal. Gosto de maquilhagem. Mas nunca me pinto. Falta de jeito. Gosto de ler blogs que me entretém, de pessoas com vidas normais, de opiniões que não estejam toldadas pelo que os outros querem ler, mas percebo as que escrevem para ganhar algum . Mais normalidade e menos glamour. Gosto de textos de pessoas que se riem da vida. Gosto de textos de pessoas que me fazem pensar sobre a vida. Não gosto de textos que fazem crer que a vida pode ser maravilhosa desde que queiramos (porque não basta querer).

Gosto do cheiro do meu filho. Gosto quando se deixa estar sentado ao meu colo enquanto o abraço e lhe cheiro o cabelo. Gosto dos momentos do final do dia. Em que vamos os 3 para a cama (a nossa cama) para adormecer o pequeno. Em que ele faz as tropelias dele a ver se ganha mais uns minutos ao sono e nós contraímos todos os músculos do corpo para não nos rirmos.

Não gosto de chegar tarde a casa e perceber que tenho pouco tempo para os meus. Não gosto de chegar tarde a casa e ainda ter o jantar para fazer, depois a loiça para lavar e o banho para tomar antes de ir para a cama.

Gosto dos dias que ainda acabam com sol. Daqueles em que vamos buscar os cães a casa antes de "levantar" o pequeno dos avós e voltamos para casa em passeio. As horas são as mesmas mas parece que ainda falta tanto para o dia acabar.

 

2 comentários

Comentar post

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

------Blogs de Portugal------

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D