Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

O mundo é verde e vermelho hoje! Somos Campeões!

111.jpg

Ontem já não tive capacidade para me sentar e escrever, ou melhor, descrever a minha felicidade.

Mais uma vez, o que eu gosto de ver o meu país ganhar!

Foi um dia, digamos que, movimentado. O campeão continua meio constipado, cheio de tosse e com dentes novos a nascer. Só quer a mãe e procura atenção o tempo todo.

Passei o jogo a correr atrás dele, a tentar convence-lo a ir à sala, para espreitar para o ecrã. Quando o Éder marcou o golo da vitória estava na casa de banho com ele, a convence-lo de que o piaçaba não é um brinquedo, mas sim um instrumento de limpeza.

Vi aos poucos mas torci sempre. Acreditei em todos os momentos, num sentimento de quem sabe que chegou o dia de ganhar.

Não vou dizer que sabia desde o inicio que íamos ser campeões. Não vou dizer que sou adivinha, nem que me segredaram ao ouvido a vitória. Mas foi naquele 30 de Junho, quando chegámos aos penaltis, quando o nosso capitão marcou o primeiro e, com garra, com vontade, olhou para a sua equipa e gritou “FÉ!”. Fez-me acreditar. Eu estava deste lado do ecrã e acreditei. Nesse dia acreditei, não que íamos ganhar esse jogo, mas que íamos ser campeões.

Cheguei ao trabalho e disse que íamos ganhar, que íamos ganhar ao País de gales, que a França ia ganhar à Alemanha e que íamos à final com a França. Íamos ganhar na final com a França.

Disse-o aqui e aqui.

E ontem, depois de um jogo sofrido, depois de muitas faltas não marcadas, depois de muito jogo sujo em que lesionam o nosso melhor do mundo, um jogo contra uma equipa de azuis que tinha mais um a jogar de amarelo. Depois de todas as adversidades, um menino que ninguém pensou, um “patinho feio”, entrou e marcou um golaço.

Os Foie Gras nem se queriam acreditar!

Deram cabo da perna no nosso campeão, nós deixámo-los a todos com uma dor cronica nos cotovelos. Devem estar aflitos hoje.

euro2016.jpg

(O que eu gostei deste foto!!!! AHAHAHAHAH) 

 

Pelos vistos nem a Torre Eiffel ligaram com a nossa bandeira.

Sabem que mais, metam a torre onde o sol não brilha.

Somos campeões. Jogámos e merecemos.

O meu país é campeão.

Obrigada seleção. Obrigada a todos.

Somos grandes, temos garra, temos perseverança, temos força e superamos tudo o que nos ponham à frente!

Ontem senti a nação de Afonso Henriques, da Padeira, a nação com raça que alcança os seus objetivos e sonha. Porque como diz o nosso CR7 “sonhar é grátis!”. E é mesmo.

Ontem fomos campeões da europa, ganhamos o Euro 2016, fomos campeões de triplo salto, fomos campeões da meia maratona.

O mundo hoje é verde e vermelho! Só dá Heróis do Mar. Mais nada!

 

mamona.jpg

 

sara.jpg

 

 

 

2 comentários

Comentar post

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

------Blogs de Portugal------

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D