Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

Sôtor meu filho é um tinhoso marreta!

terrible two.jpg

 

 

- A mãe precisa que te deites na cama para pôr a fralda.

- Nhão!

- Então como fazemos?

- Colo.

- Ao colo a mãe não consegue pôr a fralda!

- Colo!

O pai passa e diz qualquer coisa.

- Pai, nhão!

- Pai não, o quê?

- Pái, nhão!

- Sabes que o pai é muito teu amigo?!

- Nhão!

- É o melhor amigo que tu tens e gosta muito de ti!

- Nhão!

- Não gostas do pai?

- Nhão!

- E do avô? Que é tão teu amigo?

- Nhão!

- E da avó? Que toma tão bem conta de ti.

- Nhão!

- E do Boris?

(no desespero comecei a pensar que podia ser boa ideia perguntar pelo cão. Estava receosa de perguntar se gostava da mãe…avizinhava-se um “nhão” redondo)

- Nhão!

(páro para pensar. Pergunto ou não se gosta da mãe?)

- Então de quem é que tu gostas?

- Da mée (a sua forma de dizer mãe).

(lisonjeada)

- E do pai, certo?

- Nhão!

 

E voltamos a repetir toda a conversa.

Sôtor meu filho agora só gosta de sua mãe. Só quer estar ao meu colo. Só quer que eu lhe leia histórias. Só quer que eu o vista. Só quer que eu mude as fraldas. Quando acorda à noite para pedir leite tenho de ser eu a dar o biberão, manda o coitado do pai bugiar.

 

Ontem quando o fomos deixar de manhã não me queria deixar ir trabalhar. Lá o conseguimos distrair com qualquer coisa que gosta e fomos para o trabalho. Demorámos mais de 20 minutos para o deixar. E não, não saímos à socapa, dissemos adeus e tudo para que ele depois não fizesse birra quando percebesse que não estávamos.

Ao final do dia quando o pai o foi buscar não quis grandes conversas. Chegou a casa e mal me falou. Não quis ir brincar comigo e não queria ir tomar banho. Estava ofendido porque não tinha passado o dia inteiro com ele.

Com conversas mansas e muitas cocegas lá o convenci a ir fazer plasticinas. Mas foi sol de pouca dura.

“Temos de ir tomar banho!”

Que não, que não ia.

Mas foi. Tinha de ser. Fez birra e recusou pousar os dois pés na banheira.

“A mãe ainda se vai zangar contigo. Põe os dois pés para baixo!”

“Nhão!”

“Como queiras!”

O desgraçado punha o pé para cima quando eu estava a olhar e descansava o pé quando eu estava de costas. (Eu estava a vê-lo pelo espelho).

É um tinhoso marreta!

Eu sei porque sou igual. É como se me estivesse a ver ao espelho!

 

O banho foi rápido e ao sair pediu “colinho”. Foi aqui que se deu a conversa relatada.

 

Depois disso ainda tive de lhe dar uma caixa cheia de bugigangas para que me deixasse pôr a fralda, li 2 histórias com ele sentado ao colo e tive de o adormecer ao colo porque recusava com todas as forças ser pousado na cama…mesmo depois de já ter adormecido.

 

Acabou aí?!

Não.

 

Hoje às 5:30 estava na nossa cama a dar sarrafadas a mim e ao pai!

 

(nestes dias tenho vontade de ter pelo menos mais 4 filhos!)

 

p.s.: peço desculpa se existe alguma incoerência no texto escrito....a minha vida não tem lá muita coerência nos dias que correm.

 

8 comentários

Comentar post

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

--------Instagram--------

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D