Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Em busca da felicidade

Viver depois de ti - ou - Me before you

 

Acabei de o ler ontem à noite. Já passava das 23:30 e eu queria era nanar. Absorver a história e pensar nas mensagens que me transmitiu.

Não vou dizer que me vez ver a vida de outra forma. Que me fez repensar a vida. Mas posso dizer que me fez voltar a ver a vida de outra forma. Tentar olhar para o que de bom temos. Procurar as oportunidades e não ter medo delas. Afinal de contas o que tiver de acontecer vai acontecer e nós temos a obrigação de fazer o melhor que pudemos com o que a vida nos vai trazendo. Sem receios. De forma ousada. Temos de deixar a vida acontecer, porque coisas maravilhosas podem resultar disso.

Não chorei com o fim. Por mais profundo que seja. Por mais "soco no estômago". Por mais que desejasse que no final de contas aparecesse uma cura milagrosa e os dois personagens encontrassem o happy ever after. Esta é uma história sobre a vida. Sobre o que de magnifico acontece e sobre o dia seguinte, em que o tapete nos pode ser tirado, assim, sem mais. É sobre o que fazemos com o que aprendemos dos momentos difíceis. Sobre guardar com amor aqueles que tanto desejamos. Sobre mante-los vivos todos os dias, quando os lembramos, quando vivemos como gostariam de nos ver viver. Sobre respeitar as escolhas de cada um. Essa coisa tão complicadamente simples.

Adorei o livro. Estou deserta para ver o filme (já vi o trailer dezenas de vezes). E estou desejosa por ler o "After You".

Mais uma escritora que passa para as minhas favoritas. Brilhante.

(nota complementar a quem traduziu o titulo, se "Me before you" é "Viver depois de ti" então não sei que tradução vão fazer ao "After You" que é a sequela. Mas cá estarei para ver, comprar e ler).

 

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

--------Instagram--------

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D