Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Em busca da felicidade

Vós quereis mandar-me areia para os olhos?

 

Quereis?

Mas eu não deixo.

No verão insistem em inundar as ruas com moças jeitosas em envergar biquínis sedutores, com as suas barrigas lisas e sem pneus. As maminhas bem para cima e nada de incómodos pela gravidade. Só que, esquecem-se que uma pessoa mais tarde ou mais cedo se apercebe de que depois a coisa, quando se está numa posição, nem digo normal, arriscaria...comum, não é bem assim. Tema sobre o qual dissertei aqui.

Pois que agora, depois da partida definitiva do verão vem a lingerie. Linda. Cheia de rendas e normalmente com uma moça gostosa a preenche-la.

Desta vez temos, nada mais nada menos que Irina Shayk, que dá o seu nome a um soutien da Intimissimi. Ora pois que não é qualquer soutien, esta magnifica peça tem tripla ação. Qual pasta de dentes Colgate. Aquilo alega segurar as maminhas para lá do que a compreensão consegue entender.

A moça aparece no anuncio esbelta, entre luzes, em poses de enguia com espasmos, numa crise de lombalgia sem precedente, bracinhos bem esticados para cima, cotovelos ao lado das orelhas.

A consumidora, que há hora da publicidade está a jantar, não consegue evitar olhar para baixo, procurando dessa forma perceber as diferenças entre a sua triste imagem, cansada e curvada sobre a mesa, e a da bela jovem no ecrã. Miraculosamente conclui que é o soutien. Pensa que se o comprar tudo se resolverá. Até o jantar aparece feito.

Pega em si logo que pode e vai à loja mais próxima. Entra para o gabinete de prova e, qual Irina qual quê, impondo a si mesma a melhor pose de enguia com espasmos que consegue, esticando bem os bracinhos para trás. Encantada. Até a barriga desapareceu.

Paga e sai da loja questionando-se apenas porque raio a marca pagou tanto à Irina, por metade do dinheiro tinha feito a festa e não ficava nada atrás.

No dia seguinte vai estrear a peça, mesmo com aquele vestido preto que nunca tinha assentado bem. Veste o soutien, estica bem os bracinhos, confirma que está uma maravilha, olha para o relógio e lembra-se que se tem de despachar.

Quando se põe direita e desce os braços para a posição que devem ocupar, recupera o pneu de estimação. A pele das maminhas que tinha estado bem esticadinha com os braços atrás da tola, pende sobre a peça e a coisa já não parece assentar da mesma maneira.

Porque a gravidade é lixada e isto não há cá milagres.

Por isso sinhores da timissimi, areia para os meus olhinhos não muito obrigada. Tripla ação my ass!

 

10 comentários

Comentar post

------ Gostar da Página ------

----ATENÇÃO!----

Este não é o meu cantinho, este não é o meu refugio e este não é o meu diário público. Este é o meu tasco. Servem-se petiscos carregados de óleo velho, jolas, caracoladas e meia dúzia de piadas parvas. Se procura um espaço mais aprimorado é tentar na porta ao lado. Aqui arrota-se. Dão-se chupas aos miúdos (sim com açúcar...nada de stevia). Aqui dão-se erros ortográficos, baralha-se a semântica e escrevem-se frases à Saramago…e não falo da qualidade intrincada de ideias, é mesmo pela falta de pontuação. Aqui corre-se ocasionalmente, mas sempre com os bofes pela boca e acompanhado do #excuses, muitas #excuses. Aqui faz-se o que dá na real gana, mas sempre com algum juízo. Se estiver confortável com o acima disposto, sente-se e mande vir um pires de caracóis que já atendemos.

--------Instagram--------

------Blogs de Portugal------

----- Seguir no Bloglovin -----

Follow

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

------- Mais sobre mim -------

foto do autor

------------ Arquivo ------------

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D